A alienação

A alienação

sábado, 17 de maio de 2014

O "Não vai ter Copa" é o resultado da insana luta político-ideológica que domina o Brasil



Essa campanha contra a Copa é um negócio inexplicável, só mesmo uma sociedade como a brasileira que perdeu totalmente seu rumo pode apelar para isso…
O futebol é a paixão dos brasileiros, desde o moleque da favela carioca até o moleque do interior do Pará, de todos os cantos do país, todos gostam de futebol, jogam intermináveis peladas nos campinhos de terra batida, o futebol é uma brincadeira, uma distração para o brasileiro, porém, a ralé que povoa o Brasil e domina a midia e a política, em busca do poder está usando o futebol para atingir seus objetivos.

E disto participam todos, a "esquerda" que não está no poder e a "direita" que está na oposição, e grande parte da midia alienada apoia pensando que está fazendo uma coisa certa.
Todos sabem que os problemas do Brasil não começaram agora com a Copa, são de muito antes dela, na atualidade o grande problema não são os gastos com a Copa que perto do que o estado brasileiro para apenas de juros por ano é fichinha!

São 265 bilhões de reais pagos anualmente apenas de juros, fora 400 a 600 bilhões de reais que são gastos para rolar a dívida.
Os gastos na construção dos estádios não são nada perto desse enorme valor, mas, vamos falar a respeito disso.

Dos estádios que foram construídos para a Copa apenas o de Manaus e o de Cuiabá não serão usados em sua totalidade depois da Copa, mas, como poderia perante o mundo que em uma Copa no Brasil a Amazônia e o Pantanal, orgulhos do Brasil e dos politicamente corretos do mundo, não participassem da Copa?

Um outro estádio que poderia ser citado como pouco produtivo é o de Brasília, mas, a capital do país teria que ficar sem jogos da Copa?

Alem disso, nada impede de no futuro um time de Brasília dispute o Campeonato Brasileiro, além disso, muitos times do Rio de Janeiro fazem seus jogos em Brasília.
Todos os demais estádios serão plenamente usados, ou será que não teremos publico no Mineirão, e nos estádios de Salvador, Recife, Fortaleza, etc?
E será que acham que os brasileiros das diversas partes do Brasil não merecem ter estádios confortáveis onde possam ir no final de semana assistir jogos de futebol e gozar da sua maior paixão, o futebol?


Os estádios do Corinthians, Atlético Paranaense e Internacional serão pagos pelos clubes, a parte de incentivos fiscais que receberam das prefeituras não é exclusiva dos clubes, é uma lei para qualquer investimento em bairros como Itaquera, não é só o Corinthians que tem esse direito, todos que investirem em Itaquera também terão esse incentivo, e é bom lembrar que é um incentivo fiscal e não dinheiro já pago como imposto pelo povo e gasto no estádio…

Muitos falam que desde o Império Romano existe política de "pão e circo" para enrolar o povo, mas, o futebol não faz parte da política de “pão e circo” e muito menos tem semelhanças com os gladiadores romanos….

O futebol é praticado pela maioria dos brasileiros homens desde criança, é uma paixão, o sujeito troca de esposa, troca de carro, etc, mas, não troca de time, joga peladas, joga no clube, adora ver jogos pela TV ou ir ao estádio torcer pelo seu time, não é como as arenas romanas onde o público nunca foi gladiador… o futebol não é assim, o futebol todos sabem qual é a emoção, forte, quando se marca um gol, o futebol no Brasil é algo muito mais forte que “circo”.

Os covardes malucos mascarados ontem queimaram figurinhas do álbum da Copa, é uma atitude que mostra que esses caras estão com a cabeça perdida, não são mais seres humanos, pois colar e trocar figurinhas é uma coisa alegre, é uma coisa que a molecada adora, uma ingenuidade gostosa, esses irracionais mascarados se puderem também queimarão gente viva.

Adultos, jovens e crianças trocando figurinhas do álbum da Copa no parque domingo de manhã
Essa é a resposta das pessoas aos ressentidos que gritam seu ódio invejoso contra a Copa




Essa é a resposta do povo brasileiro

E o grande sucesso que o álbum está tendo é mais uma prova de que os brasileiros não estão com esse ressentimento das minorias ressentidas contra a Copa.
As ruas enfeitadas que citam como sintoma de que o povo não está entusiasmado com a Copa fazem parte de outra época que não mais existe, mas, nos jogos do Brasil podemos ter certeza que vai ter muita agitação.

A torcida do Corinthians no último sábado doi para a Arena Corinthians em Itaquera para proteger o estádio, se postou em frente e encarou os covardes mascarados que não tiveram coragem para chegar nem perto do estádio, a torcida do Atlético Paranaense também já fez isso.
Esta é a resposta que as torcidas dão para aqueles que querem depredar e destruir estádios.


 
 Essa é a resposta da torcida do Corinthians...

Os serviços públicos de péssima qualidade não são por causa da Copa, já é assim a muito tempo, a causa maior na atualidade são os 265 bilhões que o estado brasileiro paga – só de juros – por ano, o que corroí o orçamento e faz sobrar muito pouco para as despesas básicas…
Esse fato, esse sistema rentista explorador que desvia grande parte dos impostos para a elite, por incrível que pareça, não é comentado na midia!
Era contra isso que deviam se revoltar, mas, parece que ninguém tem conhecimento disso…

ORÇAMENTO 
A dívida e a sua manutenção são a principal causa
dos serviços públicos serem péssimos...
e não a Copa.

Estão tentando relacionar as manifestações de Junho do ano passado com o que estão fazendo agora, mas, são situações diferentes, as manifestações de Junho de 2013 foram um acidente, só aconteceram porque – no dia 13/06/2013 – uma repórter da TV Folha foi alvejada por uma bala de borracha no olho, sua foto sentada na rua com o olho ensanguentado e o vídeo que ela fez a noite na cama do hospital toda chorosa e com o olho roxo, foi o fato que mudou o cenário e sensibilizou as redes sociais contra “a violência policial” e no dia seguinte foram as ruas aos milhares protestar – contra a violência policial – na rua foram imbuídos do “espírito revolucionário” e passaram a protestar contra tudo, porém isso, depois da morte do cinegrafista da Band, dificilmente vai acontecer novamente.
Até o “intelectual revolucionário” Caetano Veloso não quer por mais mascara…


Essa foi a motivação para que milhares fossem as ruas em Junho/2013 e não o preço das passagens


Conclusão
Essa campanha é mais uma coisa ruim para este país sem pátria...
Um país que não é uma nação e onde os políticos e as ideologias insanas lutam entre si por poder e dinheiro e não se importam com os destinos do país.
O Brasil é um país desprezado pela sua elite que não se identifica com ele.
E agora em uma demonstração da total irresponsabilidade, da total ausência de respeito ao povo, estão usando a Copa do Mundo de Futebol para tentar ganhar subsídios políticos e eleição não importando que com isso estão sujando a maior e única paixão do povo brasileiro, o futebol.


***






Nenhum comentário:

Postar um comentário